Direitos de Imagem

Direitos de Imagem
"Imagens do blog origem google)

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz Todo Ano


1. Que em 2011 brindemos à vida sem ficar de porre, mas apenas levemente felizes.
2. Que em 2011 a saudade venha e venha forte. Só sente saudade quem viveu intensamente.
3. Que 2011 seja um ano de tolerância.
4. Que em 2011 aquele velho amigo que se pôs distante ponha-se achegado
5. Que 2011 seja o ano da coragem.
6. Que 2011 seja o ano da virada. Seja lá qual for essa virada. Desde que seja para melhor.
7. Que em 2011 aquele velho projeto secreto tenha sua vez. Ele sempre esperou quietinho por ela. Chegou a hora!
8. Que em 2011 as velhas mágoas se aposentem e vão curtir a vida em qualquer outro lugar.
9. Que em 2011, quem se perdeu se ache. Quem se achar se curta. Quem se curtir, que sonhe. Que use como barômetro as pequeninas coisas do dia-a-dia, beije na boca e despertem do sono a Pollyana bela e adormecida que existe em cada um de nós. Cada um escolhe o melhor conto de fadas para sua vida. Acredite!
10.Que em 2011 as pessoas amem mais e sofram menos por causa de outras. Que entendam que há um caminho para felicidade, mesmo que o que as leve para lá não seja aquele trajeto tão cuidadosamente planejado.
11. Que em 2011 novas pessoas especiais surjam em nossas vidas.

Feliz. 2011!
Desejos e Votos de Mary Cely

sábado, 25 de dezembro de 2010

Mensagem de Ano Novo






RECEITA DE ANO NOVO

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

Carlos Drummond de Andrade

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Grata Rosalina Herai


Eu estava postando um pequeno texto exatamente há dez minutos e observei um comentário de uma pessoa neste blog ,*Sussurros de Alma*eu pouco entro nele ,dou preferencia aos de pesquisas,acho de maior utilidade.
Quando li este comentário que postarei abaixo , fui tomada de grande emoção.
A pessoa que comentou é poetisa ,blogueira e tem muitos escritos de uma sensilbilidade extrema(suave e carismatica).
Obrigado Poetisa Voce que está alem do outro lado do Mundo precisamente no Japão se dá ao trabalho de comentar algo que eu uma simples blogueira faço em meus momentos de folga.
Isto me deixou extremamente grata por ter adcionado seu blog e sempre estou a ler seus poemas.
São coisas de poetisas.
Nada faço e se faço algo sou uma pequena gota neste Mundo de Hoje.
(Mary Cely)

Meu motivo de emoção


Rosalina Herai disse...

Vim te visitar...você escreve de forma linda, profunda, a adentrar na alma. Eu comparo os textos maravilhosos como se a alma estivesse tomando banho de cachoeira. Parabéns poetisa. Bjus no coração.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Palavras ao Vento


Palavras ao vento.
Bem demora-se um pouco para aceitar o que se ver.
Demorei um bom tempo a procura do meu EU.
A minha veia poética a cada dia modifica de acordo o meu dia a dia.
Estou deixando de fazer poemas para colocar na Recantos definitivamente.
Não deixando de escrever isto jamais.
Quando escrevemos algo ,ali entre silabas, acentos virgulas esta embutido uma porção de nossos sentimentos.
Por isto deixando este lembrete neste Blog que é meu como tantos outros que tenho que faço em horas de folga .Alegrias e tristeza, ocorre na vida de todos.
Decepção todos temos só é preciso olhar com os olhos enxergar com eles mesmo.
Nada de enxergar com o coração pois ai você só ver alegria felicidade e caminhos floridos.
Tudo tem um porque na vida de cada um.
O Acaso me fez aprender e gostar de escrever,sentimentos,alegrias,tristeza e cronicas que é minha predileção.
Hoje encerro o circulo de vida da aprendiz de poetisa Mary Cely.
Mas estamos em Contos &Recontos.
O que foi dito jamais será esquecido mas o que não foi realizado está por vir.O sucesso é uma consequencia ,precisamos trabalhar pelas causas.Abraços.

Celia Macedo

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

20 de Novembro Consciência Negra

Transformada em Dia Nacional da Consciência Negra pelo Movimento Negro Unificado em 1978 – não foi escolhida ao acaso, e sim como homenagem a Zumbi, líder máximo do Quilombo de Palmares e símbolo da resistência negra, assassinado em 20 de novembro de 1695.
Zumbi

Dia Nacional da Consciência Negra

O Quilombo dos Palmares foi fundado no ano de 1597, por cerca de 40 escravos foragidos de um engenho situado em terras pernambucanas. Em pouco tempo, a organização dos fundadores fez com que o quilombo se tornasse uma verdadeira cidade. Os negros que escapavam da lida e dos ferros não pensavam duas vezes: o destino era o tal quilombo cheio de palmeiras.

Com a chegada de mais e mais pessoas, inclusive índios e brancos foragidos, formaram-se os mocambos, que funcionavam como vilas. O mocambo do macaco, localizado na Serra da Barriga, era a sede administrativa do povo quilombola. Um negro chamado Ganga Zumba foi o primeiro rei do Quilombo dos Palmares.

Alguns anos após a sua fundação,o Quilombo dos Palmares foi invadido por uma expedição bandeirante. Muitos habitantes, inclusive crianças, foram degolados. Um recém-nascido foi levado pelos invasores e entregue como presente a Antônio Melo, um padre da vila de Recife.

O menino, batizado pelo padre com o nome de Francisco, foi criado e educado pelo religioso, que lhe ensinou a ler e escrever, além de lhe dar noções de latim, e o iniciar no estudo da Bíblia. Aos 12 anos o menino era coroinha. Entretanto, a população local não aprovava a atitude do pároco, que criava o negrinho como filho, e não como servo.

Apesar do carinho que sentia pelo seu pai adotivo, Francisco não se conformava em ser tratado de forma diferente por causa de sua cor. E sofria muito vendo seus irmãos de raça sendo humilhados e mortos nos engenhos e praças públicas. Por isso, quando completou 15 anos, o franzino Francisco fugiu e foi em busca do seu lugar de origem, o Quilombo dos Palmares.

Após caminhar cerca de 132 quilômetros, o garoto chegou à Serra da Barriga. Como era de costume nos quilombos, recebeu uma família e um novo nome. Agora, Francisco era Zumbi. Com os conhecimentos repassados pelo padre, Zumbi logo superou seus irmãos em inteligência e coragem. Aos 17 anos tornou-se general de armas do quilombo, uma espécie de ministro de guerra nos dias de hoje.

Com a queda do rei Ganga Zumba, morto após acreditar num pacto de paz com os senhores de engenho, Zumbi assumiu o posto de rei e levou a luta pela liberdade até o final de seus dias. Com o extermínio do Quilombo dos Palmares pela expedição comandada pelo bandeirante Domingos Jorge Velho, em 1694, Zumbi fugiu junto a outros sobreviventes do massacre para a Serra de Dois Irmãos, então terra de Pernambuco.

Contudo, em 20 de novembro de 1695 Zumbi foi traído por um de seus principais comandantes, Antônio Soares, que trocou sua liberdade pela revelação do esconderijo. Zumbi foi então torturado e capturado. Jorge Velho matou o rei Zumbi e o decapitou, levando sua cabeça até a praça do Carmo, na cidade de Recife, onde ficou exposta por anos seguidos até sua completa decomposição.

“Deus da Guerra”, “Fantasma Imortal” ou “Morto Vivo”. Seja qual for a tradução correta do nome Zumbi, o seu significado para a história do Brasil e para o movimento negro é praticamente unânime: Zumbi dos Palmares é o maior ícone da resistência negra ao escravismo e de sua luta por liberdade. Os anos foram passando, mas o sonho de Zumbi permanece e sua história é contada com orgulho pelos habitantes da região onde o negro-rei pregou a liberdade.


Ser Negro ser humano ser lutador...Verdaderos exemplos de vida que podem mudar o Mundo."Temos que viver juntos como irmãos ou perecer como tolos"
A consciência precisamos todos dias.
A minha me dignifica como Homem.
Tenho orgulho de viver em um estado onde predomina a maior sociedade negra Meu País Somos um só Povo Brasil.


quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Meia palavra Basta




Para bom entendedor meia palavra basta.
Faz algum tempo, não sei ao certo se foram dias ou meses.
 Ou quem sabe séculos.
Li um texto que muito me deixou abismada ou quem sabe admirada.
Inverdades proferidas.
Abaixo vou transcrever frases deste texto.
Não colocarei nomes.
Porque autores de palavras proferidas são bem diferentes da escrita.
Sempre ficam marcadas.
Podem ser em um livro ou quem sabe na alma.
Poemas e homenagens, flores ofertados e ouvidos a seu dispor, desabafos mil.
Guardados a sete chaves no coração.
Meus ombros serviram de acalanto.
Em resposta inverdades cruéis e fictícias.
Ofensas!
Se forem proferidas jamais houve esta pretensão.
Mas como dizem ainda acreditam em chapeuzinho vermelho.
Mas o verdadeiro lobo mal está no seu intimo.
Texto muito eloquente digno de palavras ao vento.
 Parabéns nem O Céu nem a Terra deixará de existir .
Mas a mentira continua nas profundezas da alma!
“Pelo fato de ser uma pessoa carismática, inteligente e generosa ama ajudar e orientar a todos que a procuram, mas infelizmente uma criatura sem personalidade cuja identidade é igualmente ou tão mais que um Demo ou psicopata.
Depois de usurpar e tirar tudo que podia, resolveu se mostrar como de fato é.
provas ofensivas e morais e emocionais estão nos autos.”
Orgulhamos de mostrar na realidade como as coisas são.
O maior veneno são as palavras mal dirigidas e mal intencionadas a interpretação cabe a quem de direito for.
Sabemos que a verdade é igual uma moeda tem dois lados.
Pois bem o tempo sempre mostra a real qualidade de uma pessoa.
 Valores agregam-se.
Onde estão as ofensas?
 Onde foi e o que foi usurpado?
Pois bem cada qual sabe onde e como deve redigir texto e crônicas.
Azedas com palavras fétidas que não leva a lugar nenhum.
Fiquem na escuridão de sua magoa que serás Eternamente feliz.
“Só aprende o que se quer só ensina o que se sabe”
Este espaço é de desabafos meus.


Este pequeno desabafo foi escrito em um dia de muita magoa no meu coração,mas passou assim como tudo na vida passa.Só resta-me apenas um pouco de ira,pois  usurpar é uma palavra delicada.
Mas o significado é muito profundo.
Palavras ao vento.

18/11/2010.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Amor próprio.


Muitas pessoas são tão insensíveis a vida, e sua rotina do dia a dia, que em nenhum momento para prá tentar analisar e refletir sobre o que ocorre em suas vidas.
Fica o tempo todo se martirizando pelo que aconteceu e principalmente o que poderia ter acontecido.
Tornando-se azedas e mal humoradas.
Eu você e todos os seres humanos têm altos e baixos afinal nem tudo acontece como queremos, mas precisamos olhar com firmeza e tentar retificar erros.
Sorte tem!
Quem acredita nela.
Azar é esta força do pensamento negativo.
Felicidade pode sentir até em um sorriso de uma criança.
Paixão este sentimento que rasga nosso coração e danifica a alma.
E ótima está apaixonada.
Amor...
Ah este sentimento danado que move montanhas e constroem muralhas entre os seres humanos.
Mas sempre conseguimos transpor todos estes obstáculos.
Amor próprio este faz parte do seu dia a dia começando pela primeira visão que se tem de si mesmo quando acorda depois de uma noite mal dormida, ao se dirigir para escovar os dentes.
Cabelos despenteados, roache na caixinha, espinhas apontando.
Olhos vermelhos a preguiça danada.
Você se olha e afirma.
Poxa eu sou uma gata.
Sim você se ama.
Este é o maior amor próprio.
Claro se você não se amar se achar linda, bela e formosa.
Você acha que os olhos alheios poderão te enxergar?
Claro que não.
Então quem ama cuida.
Então cuide amando-se sempre.


Mary Cely
Imagem do google
04/10/2010

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Perdas &Ganhos


Assim com simplicidade, nem egoísmo chegamos à conclusão que não precisamos dividir nada.Responsabilidade, despesas e tão poucos exigências.O que precisamos é agregar valores.Num conjunto somatório de meus e seus erros chegamos a acertos, que possam ser subjugados dando maior ênfase a resultados positivos.Não devemos e nem podemos ficar como uma alma no limbo culpando e acusando pessoas e ações por todas as ações danosas que ocorrem em nossa vida.Tudo é um somatório de anos e atos que vai acumulando-se.Uma gota transborda um copo.Não se pode acusar nem culpar outros por algo como um ex-amor, ou ex-colega, ou um ex-vizinho por uma coisa que estava ali a sua frente o tempo todo e você não se davam conta parava pra observar.No corre da vida nós seres humanos não sentimos o sinal que o corpo velho e cansado da labuta da vida dá.E um stress constante trabalho, casa, filhos, marido.Algo que você acha essencial e faz de tudo para conseguir, e quando acontece não tem aquele real valor.O tempo passou e deixamos de viver bons momentos por mais simples que seja pela ganânciadoserhumano sempre em busca do TER esquecendo-se que nem sempre é o que queremos.SER gente SER feliz.

O poder aquisitivo não é tudo.Não posso correr atrás de todos os bens que acho essencial para curtir uma velhice.Se quando chegar a idade que achava nos tempos de outrora que seria para curtir.Estou doente e cansada fisicamente e o sabor das pequenas coisas não me trás, mas a tão sonhada felicidade e alegria de viver, deixei de ver e participar de tantos momentos em família e amigos porque precisava urgente ganhar e ganhar mais.Será que não foi fútil o meu corre, corre?Estou tentando achar os verdadeiros valores ainda quando tenho força de vontade e alegria de viver.Não temos nem perdas nem ganhos.Só momentos felizes.Já me basta para ser feliz muito feliz.

Mary Cely

Bahia .Brasil

28/09/2010.

sábado, 21 de agosto de 2010

Devaneios&Desabafo


Um dia eu quis parar o tempo.
O tempo de minha vida.
E nas lembranças de infância distante quis reviver em outras vidas.
Tentei de forma ingênua e cruel desenvolver um plano de vida, que eram apenas ilusões.
Deixei-me levar por infantilidade e desde então a minha paz se foi.
Não busco perdão, nem tão pouco pena. Sentimentos omissos,não contribuem.
Busco tentar remediar o grande efeito que prejudicou, mas fica difícil a distancia a ausência, a escuridão.
E neste plano de vida que é uma busca constante os caminhos são tortuosos, mas não intransponíveis.
Sei que o tempo por muitas vezes trás soluções, mas como ficar esperando o tempo chegar com as respostas.
Os dias são claros e ensolarados, mas as noites cheias de tormentas.
Conciliar o sono parece coisa impossível acordo sobressaltada no meio da noite. E nada vejo sei que travo uma guerra no meu intimo.
Tentar vencer os obstáculos só ocupando o tempo com ações que não deixam espaço para devaneios.
Só assim consigo um pouco de alento.
Sei que o tempo é o senhor da razão.
Espero um dia poder olhar para trás e saber que os caminhos tortuosos jamais voltem.
Só assim terei a tão sonhada alegria de viver e tentar ser feliz.
Creio que não seja tão impossível!
Ou É?



Mary Cely
Imagem do Google

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Nunca Jamais...Desista de Seus Sonhos!



Navegando pela internet me detive em um determinado espaço, pois achei um assunto muito importante e muito relevante, “Nunca desista de seus sonhos”, achei meio confuso, mas analisando lentamente vi a total veracidade dos fatos, vamos viver e sonhar que a vida e feita de momentos e a realização de sonhos, nada mais que lógico e corriqueiro.
Temos a vida e fomos abençoados pra usufruir da maneira que melhor nos convier, e por que não tentar realizar o que mais nos apetece e dá prazer.
Aquela vontade de uma reforma no seu espaço de moradia, Uma viagem, uma visita a um amigo distante isto são coisas que fazem parte de desejos então acalentamos um dia poder realizar.
Para quem escreve no meu caso!
Quem sabe editar um livro.
Não que seja necessário e essencial, mas se fazemos algo temos prazer de saber que alguém leu gostou, se não escreveria nada apenas pensava e pronto.
Mas também não é necessário você fazer tudo que lhe dê na telha (cabeça), mas tentar fazer algo produtivo pra seu bem estar e da sociedade isto sim e viver bem a vida.
Sei que muitas vezes as ações conturbadas não contribuem para realizar tudo.
Mas tentar acredita que seja essencial.
Conheci uma escritora que certa feita disse-me que seu sonho seria editar um livro.
Fiquei encantada.
Eu não escrevia nada, apenas pensava.
Sempre existe alguém que ilumina caminhos.
Mas comecei a tentar colocar meus rabiscos e vez ou outra tenho leitores.
Não que eu seja uma escritora.
Nem tão pouco poeta.
Mas escrevo coisas de meu Eu e tento passar para o além.
Quem sabe se algumas décadas à frente possam cair no agrado de pessoas que gostam de ler.
Sempre fico procurando coisas de mensagens colocarem em blogs.
Que eu tenho por lazer de temas diferentes.
Quando vejo um texto lindo cheio de emoção e sentimentos sem a devida autoria.
Fico imaginando, que pena tem tão belas palavras carregadas de amor amizade, saudade carinho e solidão.
Não acreditou que alguém poderia gostar.
No caso naquele momento eu gostei, e como outros também que lêem.
Estas pessoas não acreditaram em seu potencial como ser humano capaz de transmitir sentimentos através das letras.
Por isto sempre digo não desista de Sonhar realize corra atrás, se as portas estiverem fechadas use a janela.
Ficou-se magoada por alguma perda. Ora
Ai escreve-se coisas melancólicas.
Mas continuamos
Sempre curvas são feitas para direcionar o bom condutor.
Mas chame a atenção do Mundo para a realização de seus Sonhos.
Viva a vida
Mas realize seus Sonhos
Viver consciente de seus ideais, com força de vontade carinho respeito ao próximo e amando sempre.
A verdade é esta, o tempo passa, corre e nós sequer nos apercebemos disso.
E nada fizemos além de correr e esquecer que a vida é breve e curta.
Vamos curtir a vida com Paz carinho e amor.
O amor sempre subjuga a dor!


Mary Cely
Imagem do google Capa de um livro tema texto.
http://recantodasletras.uol.com.br/cronicas/2445246

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Solidão




A solidão não é ausência da pessoa amada.
A solidão e saber que o amor sempre é fundamental.
E mesmo amando nós tornamos cruéis.
Não sei se é medo, auto defesa ou quem sabe tristeza.
Mas continua sempre a incógnita nesta vida.
Os sentimentos que afloram e fazem parte do ser humano é muito complexo.
Solidão que deixam marcas.
Algumas irreversíveis na personalidade.
Algumas vezes momentos relapsos de saudade.
Mas como ondas do mar que vem branda.
E também devastadoras.
Que arranca da vida a seiva da melhores sentimentos.
Vem e voltam,Tudo passa.
E como diz o poeta não posso voltar atrás.
Mas... posso remediar.
Quem sabe?


Mary Cely
Imagem do google

Em tempos de Solidão


Num momento em que epidemias e pandemias roubam a cena nos noticiários, uma doença silenciosa, há algum tempo sutilmente instalada no meio de nós, continua causando estragos não menos danosos que as enfermidades anunciadas. Sim, na sociedade dos “sem tempo”, do individualismo e das relações descartáveis, um dos males do século é a solidão. Aqui e ali, jovens e “adolescentes retardatários” - contingente cada vez maior de pessoas entre os 20 e os 50 anos, de comportamento infantilizado - se acotovelam em noitadas regadas a muito chopp, vodka e ou drogas sintéticas. Nos barzinhos e danceterias, entram em bandos, “ficam” com muitos e saem com muito pouco… Mais sozinhos e perdidos do que nunca. Daí a imprescindível reincidência cotidiana no enganoso jogo do frequentar. Frequentar significa a chance de estar na vitrine e encontrar companhia. Companhia qualquer, que no dia seguinte jaz exibida como troféu em orkuts e Blogs, nas fotos repetitivas dos sorrisos forçados, sempre emoldurados pelo copo ou pela latinha exibida orgulhosamente numa das mãos, enquanto a outra automaticamente faz sinal de positivo, ou outro qualquer – conforme a tribo – pra ilustrar a pseudo-alegria de mais uma noite vazia e igual.
Por outro lado, os assumidamente maduros formam a imensa fila dos solteiros, separados e viúvos que procuram relacionamentos sólidos, parceiros afetuosos e leais, mas que, em maioria, se precipitam em relacionamentos arriscados, diante da incomoda sensação de que o tempo está passando, o corpo envelhecendo e as chances diminuíndo em razão da ditadura do corpo perfeito e da eterna juventude, excludente e implacável numa sociedade que há muito vem super valorizando o supérfluo em detrimento do essencial. O desespero faz com que joguem no escuro, seduzidos pela primeira impressão ou por mentiras virtuais em que se quer muito acreditar, mas, na verdade, seduzidos pela própria carência e premência de ostentar um parceiro. É a lógica de resultados, absorvida por inteiro, a se transportar de forma perversa para a vida pessoal, nela também - e principalmente - fazendo seus reféns. Estar só é sinônimo de incompetência afetiva ou falta dos atrativos exigidos pelo mercado. Viramos coisa, objeto, que independente do conteúdo, se consome ou se rejeita conforme a embalagem e o marketing. O subproduto, claro, é a solidão.
Solidão acompanhada e não menos solitária. Compartilhada pela TV, pelo cachorrinho de estimação, pelas horas a fio nos sites de relacionamento ou pela espera ansiosa de um simples e-mail. Solitude que dói quando se é mais um, igual a todos e – por consequência – invisível; Quando a gente se olha e não se vê ou vê no outro a idealização fugidia de algo que nunca virá a ser. A dor de possuir o que não se tem, desnudar-se a quem não quer ver… A dor de perceber-se descartável, embora humano.
Mas a dor maior será talvez a do equívoco da finitude, a ausência do sentido real da existência, da transcendência, do ser espiritual que pulsa e anseia - sem se dar conta - por algo além da vã materialidade. No fundo, “ser feliz é tudo o que se quer”, mas felicidade é também dar felicidade, o que só virá quando o individualismo der lugar à generosidade e as aparências à essência. Só virá, de fato, quando deixar de ser “um sonho que se sonha só”.
Não nascemos pra viver sozinhos, é verdade. Além do mais, fomos secularmente aculturados para o acasalamento inevitável e complementar. Assim, faz parte do existir compartilhar a vida com alguém especial - às vezes nem tão especial assim – mas cuja presença representa um cobertor emocional para que não se morra de frio quando as crianças crescem e se vão, quando nossos pais já não estão mais por aqui, ou quando aqueles irmãos, amigos e primos, antes inseparáveis, tomam outros rumos. Em tese, o parceiro é a garantia de alguém que fica, quando todos partiram.
Porém, em tempos bicudos de frustrações afetivas, precisamos encontrar alternativas que atenuem a incomoda sensação de abandono que vez por outra teima em nos assaltar… A saída é dar razão de ser à vida. Focar menos no que não se tem e mais no que se pode ser. Colocar as mãos num trabalho gratificante e a cabeça em ideais superiores que certamente preencherão nossos dias; repartir, com os mais fragilizados ou não, o que tenhamos em abundancia para oferecer, inclusive afeto. Enquanto o “amor da nossa vida” não chega, concentremo-nos no amor que podemos dar e receber da vida. Adotemos outras famílias, novos amigos, programas saudáveis e divertidos, trabalho voluntário, intimidade com
Deus; voltar a estudar, reencontrar um velho amigo também solitário, desengavetar aquele antigo projeto… Estar por inteiro no mundo, sem metades perdidas e com direito a uma auto-estima pra lá de achada. Eis o segredo para que se possa estar contente com a própria companhia quando não houver mais ninguém por perto; para que se possa perceber o quanto é prazeroso abrir a porta de casa após um dia daqueles, dar de cara com a gente no espelho da sala vazia e, sem nenhum ranço de auto-piedade, poder dizer pra si mesmo sem medo de ser feliz: - Êta sossego danado de bom!

Joana Abranches
Escritora capixaba, autora de:
A Flor e a Estrela,
Diante do Espelho e
Brincar de Poesia


Recebido Via Email
Imagem do google

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Poemeto de Amor.


Ah...Falar de amor é sublime.
É sentir a brisa do mar
Beijando tua face
Como uma doce caricia
É como sentir um aroma de rosas.
Na noite de primavera
È como voar sem destino.
Em busca do amor perdido.
Mas não impossivel.
Falar de Amor é natural,não casual.
Falar de amor é simplesmente.
Sentir emoções...
Sem medo de ser feliz.
Amar simplesmente Amar.
Falar de amor é simples.
O dificil é saber Amar...!



Mary Cely
Imagem do google

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Indiferente...Ou Anjo


A indiferença tem um poder devastador.
Corrompe os ideais,
Ela é usada como arma de defesa, mas na realidade esta atacando e muito.
Em muitos casos pessoas que se tornam indiferente a alguns se acham por direito de ofender e magoar.
Não se perdoam por não fazer mais parte do circulo de amizades ou quem sabe da vida de outrem.
Tornam-se cruéis vingativas e maldosas. Não suportam a indiferença
A afirmativa que contrario do amor seja o ódio, Creio que na realidade é a indiferença, pessoas que se julgam por demais importantes não suportam a total indiferença.
Priorizam a mídia.
Sentem-se encurralados de frente para o egocentrismo.
A indiferença é companheira do opressor
Tem gente que adora saber que deixam os outros sofrendo
Se sentem vingados.
Coitados não os sabem quem mais sofrerá serão os opressores.
Os vigias da vida alheia.
Que não perdoam nem a si mesmo.
Há varias maneiras de ser indiferente.
Mas perceber que alguém que priorizamos e idolatramos observa que precisamos de alguma ajuda ou que não estamos bem, e apenas fica de longe na espreita esperando a queda é algo funesto
E mais ainda por fingir que é um bom ser humano.
"Vive tu vida de hombre recto y me dejó que la palabra y se tienen las respuestas a pesar de que tarde"
Mas vale uma ausência sentida do que uma presença descabida.


Mary Cely
Imagem do google

terça-feira, 20 de julho de 2010

Dia Do Amigo!


O Dia do Amigo ou o dia da Amizade foi criado pelo "hermano" argentino Enrique Ernesto Febbraro. Ele se inspirou na chegada do homem à lua, em 20 de julho de 1969, considerando a conquista não somente uma vitória científica, como também uma oportunidade de se fazer amigos em outras partes do universo.

Eu me perguntava, que dizer sobre a amizade?
E, então pensei em todos meus amigos...

Eu pensei nas qualidades que os diferenciam, nessas coisas que os fazem únicos e queridos…

Como aqueles que sendo tão diferentes nos entendem tanto…

Aqueles que nos ajudam nos momentos difíceis…

Aqueles que a vezes, nos deixam verdes...

Os engraçados, os intelectuais

Os que nos cobrem de paz… Os originais…

Os que nunca se animam… e os que não desanimam nunca..

Os que nos mimam… Os que necessitam de mimos…

Os que são capazes de nos carregar seja qual for nosso estado de ânimo…
Os que sempre estão atentos…

Os que só mostram uma pequena parte do que são.

Os que sempre conseguem o que querem…

Os insólitos!!! Os corajosos... Os protetores...
Os que sempre estão dispostos a juntar-se para fazer algo…
Os que sempre tem uma notícia o uma novidade para contar…
Os barraqueiros, os bagunceiros ..
Os que parecem que não, mas…”estão aí…”

Os organizados… Os “folgados” de sempre…
Os de longe…Os de perto, muito perto às vezes ao nosso lado..

Os que não param de trabalhar...

Os que tem delirio de grandeza… os introspectívos
Os que sempre estão enrolados em algo…
Os que são capazes de fazer qualquer coisa para não passarmos um mal momento…
E os que necessitam proteção...

Os brincalhões...Os surpreendentes…

Os que caem em um momento errado...

Os que nos fazem rir a qualquer preço…

Os que são tão ternos…os mal humorados..

Os que sempre estão nos esperando…
A todos e a cada um deles…

Queria deixar todo o meu carinho aos meus velhos e também novos amigos, aos meus amigos reais e também aos meus amigos virtuais, que estão sempre presentes em minha vida compartilhando a sua alegria e boa vontade.

A todos meus amigos...Mas a todosssssssss mesmo!!!!!

OBRIGADAAAA!!!!!Obrigada por andarmos juntos no caminho da vida
Obrigada por estarem atentos sempre que necessito…

Obrigada por querer-me assim como sou….

Fazendo minha vida mais simples, iluminada e mais feliz.

O que mais posso desejar para hoje??
Que as verdadeiras amizades continuem eternas...

Que as lágrimas sejam poucas e compartilhadas.

Que as alegrias estejam sempre presentes.. E sejam festejadas por todos.

Que o carinho esteja presente em um simples olá, ou em outra frase qualquer...
Que os corações estejam sempre abertos para:
novas amizades, novos amores, novas conquistas. Que as coisas pequenas como a inveja ou a falta de amor, sejam retiradas de nossas vidas. Que Deus esteja presente dentro de cada um de nós e que a nossa jornada hoje, esteja repleta de flores. Muitas flores...


Bom Tarde e beijos no coração de todos.Os que me consideram Amiga

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Coisas de Là Vida!





É chegado o momento de partir na direção de novas aventuras. Está na hora de sacudir a poeira e deixar o passado para trás!
Partir confiante na direção do que desejo, ou mereço, pois as possibilidades de sucesso são de alto risco.
O oposto é não querer arriscar-se
Sabendo, todavia, dar-me senso de limites.
Diante das vitórias iniciais, não me enganando, não caindo na tentação de achar que a situação estará para sempre garantida.
Afinal, é quando nos vemos em situação vitoriosa que tendemos a abrir a guarda e a cometer atos imprudentes.
Ficando bastante feliz com uma vitória, mas não permitindo que a alegria elimine o meu poder de explanar.
Dai-me sabedoria suficiente para o real direcionamento dos meus quereres.
É dado momento de mudança: de casa, de emprego, de qualquer coisa que já esteja velha e superada na minha existência.
Momento de me abrir para o novo!
Um Mundo real.
Sem exigências, sem cobranças.
Ser Eu... Apenas eu...
O mundo é dos sonhadores, que se arriscam, sem áurea de Santos.
Nem tampouco demônio.
E eu... Muito feliz.
É o que ando a sentir há algum tempo.
Desejos íntimos.
Desejos de liberdade.
Sem conseguir exacerbar os valores que outrora, eram virtudes.
Não sei se consigo exprimir devidamente!
As minhas vontades.
Meus valores. Meus quereres e saberes.
Não sou nem melhor nem pior que ninguém.
Sou Eu. apenas isto me dignifica e me diferencia dos demais.
Vamos ver... Aventurar-se é preciso!
As coisas de Là Vida.



Mary Cely
Bahia Brasil
15/07/2010
Imagem do google

terça-feira, 13 de julho de 2010

Um Amor de Mulher




A mulher em todo seu glamour no auge da idade se acha incapaz de amar, pois bem minha opinião é diferenciada, creio que uma mulher de determinada idade está na plenitude da vida, no ápice de sua vida amorosa, já deu sua colaboração a família, educando os filhos e conquistou seu espaço na sociedade, seu trabalho já foi galgado e adquiriu maturidade suficiente pra saber o que quer e como quer!
E somado os valores, se sente capaz de amar com total ardor que o amor é sublime ajustável com o seu amado.
É um amor tão intenso, que as relações anteriores que porventura tiveram caem num total esquecimento.
É irrelevante a comparação.
Um amor não deve e não pode ser comparado.
Assim da mesma forma que não existem pessoas iguais, cada um tem sua essência e forma de ver e viver a vida.
E cada momento vivido é uma aventura um mundo a serem descobertos os erros foi uma forma de aprendizado cruel, mas de grande valor pra que não torne a repeti-los.
E vamos fazendo o que de melhor se tem a fazer... Amar.
Amar com a certeza de que o amor... É belo e sublime.




Imagem do google


Ps.Este texto dedico a amiga Vania que galgando montanhas e pedreiras está vencendo as barreiras para vivenciar um grande Amor.

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Dias de Chuva!



Dias de Chuva!

A chuva chegou de vez.
Cada dia está chovendo mais os dias se tornam longos e frios.
Ao longe ouço um blues suave em alguma vitrola da vizinhança.
È um vazio sem fim ouvir canções de amor quando o amado está longe.
Mas os dias vão se passando.
E com longas horas de meditação.
As horas passam cada minuto demoram uma eternidade.
Mas a vida passa rápido é preciso tolerância meu corpo precisa de repouso
Temos que cuidar do corpo não deixando de alimentar a alma.
São seis horas.
Hora de acordar.
Já é de manhã.
O Cheiro adocicado de café me traz a realidade.
Vamos à vida que a fila precisa andar.
E como formiguinhas trabalhadeiras começamos a pensar sobre o que fazer e como fazer de nosso dia.
É e assim acaba mais uma semana de repouso forçado.
Recomendações médicas, afinal somos humanos e precisamos nos cuidar.
Sempre...



Mary Cely
Imagem do google

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Viva a Amizade!!


Todo dia morre uma amizade, Um amigo deixa de fazer parte de nosso cotidiano.
Quase sem perceber deixamos uma amizade que julgávamos eterna acabar.
Talvez pela ausência ou o fator distancia ou quem sabe novas amizades.
Muitas vezes por motivos banais acaba-se uma amizade terna e duradoura pelo simples fato de querer ter razão e não deixar o outro explicar-se.
Morre uma amizade rápido como começou onde o único intuito era a companhia.
Mas tudo que começa acaba nada é eterno.
Não existe dialogo unilateral, não existe guerra de um único pais.
Não existe briga de casal sem ser um par
Há uma infinidade de amizades, A do bem querer.
De ouvir e ser ouvida.
Há existem os amigos sombras que sempre estão por perto, mas o orgulho não os deixa transpor as barreiras criadas.
Orgulho é sentimento?
Não sei!
Não gosto desta palavra (orgulho) prefiro substituí-la por prazer.
Como todos dizem errar é humano e brigas não nos levam a nada.
Só causam uma sensação de letargia e mal estar achando que estamos certos sem parar para analisar um momento sequer.
O porquê de tudo.
E ai sim pode ver se era amizade ou apenas interesse
Vale quem mais dá.
Algumas pessoas se regojizam-se de serem mui amigos.
Mas na verdade não passa de interesseiros bastam-se precisarem delas que se dizem amigos para ver na realidade o seu real valor.
Ai sim sabe quem é amigo eterno.
A concepção de amizade e complexa.
Alguns acham que amizade é cumplicidade, outros escravos da amizade, outros nem tanto apenas sentem prazer da companhia e gostam de servir raros, mas existem.
E você meu caro é amigo?


Mary Cely

Imagem do google

Uma gota !




Apenas uma gota.
Uma gota da chuva transborda um Rio
Uma gota de lagrima escorrendo na face triste deixando marcas
Uma gota de ilusão deixa tristeza no teu olhar
Uma gota de Amor a torna uma eterna apaixonada
Uma gota de veneno te leva ao leito de morte
Uma gota de dó é dispensável
Uma gota de auto-estima nem todos a tem
Uma gota de reconhecimento eleva o coração
Apenas uma gota de mais puro sentimento
Elevam uma pessoa!
Só damos o que temos
Não existem sentimentos.
Gratuitos!
Sem reciprocidade!
Há amores e desamores.
Em uma pequena gota!


Poema de Mary Cely:  Célia Macedo
25/06/2010




Imagem do google

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Um Amor virtual!


Um amor virtual!


Oi.
Oi. como você se chama?
Eu não me chamo rsrsr
Mas meu nome é Paulo
Que legal você é divertido.
É procuro ser agradável com as minhas amigas, e você já se considera minha amiga?
Sim se você assim o quiser.
Você tem namorado? Eu estou só.
Eu também...
Ah... que bom.Você quer ser meu amor virtual?
Como virtual?
Namorar na web ora, Você nunca namorou assim?
Não.
Mas sempre tem a primeira vez não é verdade?
É você tem razão.
E assim começa uma relação virtual entre cabos chips, vírus e antivírus. Emails diversos trocavam correspondência diária.
Sempre sintonizados conectados pelos pensamentos. O amor que nunca pode ser tocado nem ouvido.
Mas o amor de conversar de relatar o seu dia a dia.
E as músicas trocadas que era uma infinidade de gostos.
Sempre tudo era uma farra.
Não era namoro era amizade constante.
E Paulo se enveredava por um caminho que mais se estreitava sem saber o que fazer.
Gostava imensamente da Ângela, mas não poderia assumir compromisso.
Estados diferentes idades diferentes, poxa que situação difícil.
Paulo não suportava ausência da Ângela. mas não sabia que fazer.
Muitas zangas e ele sempre sugeria.
AH... Ângela acha um namorado ai.
Snif... snif... Eram as respostas entre lágrimas.
Ta me descartando?
Não
Não imagino viver sem você.
Nem eu Ângela nem eu Ângela eram as respostas do Paulo
É que gosto tanto de você que não quero fazê-la sofrer mais.
Sabe Ângela tenho muito medo de você depois ficar depressiva.
Que nada sou forte suporto tudo. As respostas sempre as mesmas.
Ângela não entendia que Paulo gostava tanto dela que sofria e a fazia sofrer também, mas num estado de inconsciência continuavam se contatando.
Queria vê-la bem muito bem.
Queria abraçar o que melhor pudesse e oferecer a ela.
E o tempo foi passando e as coisas continuavam numa cumplicidade que até se parecia que ia tornar eterno a convivência.
Mas Ângela precisava decidir-se que não era aquilo que ela havia planejado para ela. E Paulo sabia disto ela precisava de um amor participativo e real próximo para dividir as dores e amores.
O toque cheiro a pele com pele.
Paulo sabia disto e aceitava.
Paulo adorava contar piadas inventar causo só pra ver a Ângela bem rindo depois de um dia de trabalho exaustivo.
E quando os dois despediam entre xaus e beijos emoticons divertidos.
Paulo caia num desalento e na perplexidade da vida muitas vezes chorava horas.
Mas não podia dizer nada a boa e amável Ângela.
Mas um dia terminou tudo fulminante como começou.
E assim acabou um amor virtual. que não era para nem ter começado.
Ângela encontrou um amor e está feliz.
Que continue assim.
E Paulo! Ah anda por ai triste, mas amigas virtuais jamais.
Uma vez já deu demais como exemplo.
O amor é querer ver quem gostamos bem não que seja necessário está ao nosso lado.



Mary Cely
Imagem do google
Personagens e nomes fictícios.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Meu Conceito...É...


O que é conceito?

Em minha opinião conceito é baseado em coisas que você já viu ou que conhece para poder comparar com outras coisas, através desta comparação você pode dizer qual é o melhor e tornar um direcionamento achando que o teu julgamento sobre tal pessoa ou ação esta correta?
Mais ou menos isto não é?
Conceitos inúmeros valores diversos cada individuo olha da mesma forma, mas enxerga de maneiras diferentes.
O conceito que até hoje não consigo captar o real valor é o conceito do perdão.
Quem somos nós?
Para acharmos que temos direito de julgar o próximo e condenar ou absolver.
Nem todos têm as mesmas opiniões, e do direito de escolha é muito importante na nossa vida.
Alguns gostam de times de seu estado e sentem maior orgulho de vestir a camisa de seu time.
Mas é direito temos que respeitar o direito de escolha.
E religião é uma coisa que não devemos discutir cada qual analisa e acha a que melhor se adéqüe ao seu estilo de vida.
Coisa muito louvável é respeitar o direito do cidadão e do ser humano.
Ah mas tem uma coisa que me deixa enfurecida é jogar a culpa de erros próprios em outros.
Se tal ação o resultado é positivo o mérito e seu, mas se foi algo que não ocorreu de acordo planejado.
Isto sim se procura logo um culpado, ou seja, um bode expiatório.
Eu graças a Deus não tenho este mau hábito. Se fizer ou fiz algo mesma na minha concepção sendo errôneo preciso assumir a culpa.
E se deu certo claro e evidente que fico agradecida.
Mas os riscos sempre podem ocorrer então erros e acertos sempre são nossos.
O conceito de errar é complicado e difícil de retificar, pois acarreta uma infinidade de reações a pessoa modificando desde a sua forma de viver e encarar a vida. Nos pequenos pormenores
Agora te pergunto qual seu conceito de perdão e do ser feliz?


Mary Cely
Imagem do google

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Paixão,e Sonhos




Uma taça vazia...
Noite de prazer...
Eu... Esperando você
Procuro-te na cama

Não consigo te encontrar
Onde! Onde você está
Noites frias sem sua presença
Esperando-te fico a chorar

Noite longa que custa acabar
Reviro-me na cama sem parar
Agonia que me devora

Meu corpo padece aos encantos teus
Chega Aurora num breve momento
Olho ao meu lado e lá você está



Mary Cely
Imagem do google

terça-feira, 8 de junho de 2010

Minha Alma Desnuda de um Amor




Minha alma desnuda, meu corpo te grita
Desejos ardentes corpo carente.
Tu meu homem a deriva no mar do amor,
Perdido no tempo de uma desilusão.
Em fim depois de portas fechadas,
Eis que te encontro. já num beco sem saída.
Não se acanhes... venha para os meus braços
Seja meu menino. meu anjo e protetor.
Venha que quero acalmar seus desejos
Nesta intensa noite de amor.
Meu grande e eterno amor
Sabe que meu corpo arde de paixão por ti.
Acalma-te deixa de ciúmes
Nosso pacto será cumprido
Para a eternidade.
Sempre serei...
Sua de corpo e alma.
Amor sabe que só te peço uma coisa.
O teu amor
Ame-me com paixão
Seremos sempre só
Eu e você



Imagem do google
Mary Cely

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Reconhecimento e Ressentimento!



Porque será que muitas pessoas correm atrás do sucesso. Creio que na verdade o que almejam seja o reconhecimento do trabalho do esforço efetuado,dando lugar a bons resultados muitos prazerosos.
Será que a maioria sente esta necessidade de reconhecimento?
Mesmo que o resultado adicional do reconhecimento. Não seja o esperado para si.
Muitas vezes ainda que tenhamos feito o melhor, a nossa satisfação seja grande. Mas ficamos abalado com alguma critica exterior.E o fator competência,ajuda,o querer bem dar vazão a uma infinidade de codinomes. Ex. Ratazanas, vaca, forca a todos, desestruturada, psicopata. Estas palavras soam bem para quem as profere. Mas para quem as ouve é um terror.
Visto que o julgamento do outro já está definido. Mas as suas perspectivas foram projeções e injeções de animo que deu uma alavancada na moral. As frustrações ou projeções que porventura estavam adormecidos acomodados.
Acordaram e toda uma vida de fragmentos de problemas veio à tona precisando urgentemente de um motivo para sobrepor.
Eis que surgem usurpadores de emoções que não ajudam só instigam
Jogando por terra todas as idéias e projeções de outros.
Acusam de atos que eles mesmos o fazem.
Assim denegrindo pessoas que não estão presentes e se calam.
Uma pena que poucos raciocinam corretamente.
Não usam a razão e dão sempre motivos.
Para uns de jubilo outros de vergonha!
Vergonha que marca e fere deixando assim ressentimentos.
Não de alegrias, mas sim de tristeza.
Se houver lucros a certeza que foi esforço próprio, que nada e nem ninguém pode vivenciar o prazer que mesmo indiretamente a força obscura do destino deu.


Mary Cely
Imagem do google

sábado, 5 de junho de 2010

S.O.S Meio ambiente


Dia o5 de junho data muito importante ao planeta
O dia Mundial do meio Ambiente foi criado pela Organização das nações unidas (ONU) em 1972, durante a conferência Mundial do Clima em Estocolmo. Para estimular ações mundiais para preservação da fauna e da flora
Terra mãe natureza de grande beleza.
Esta data e comemorada mundialmente, mas um pouco fragilizada.
O que adianta a comemoração com tantas destruições ao nosso meio ambiente, Rios sendo feitos de rede de esgotos urbano e Industrial causando uma grande mortandade de peixes.
A seca que causa um grande problema socioeconômico ao nosso país é nada mais que uma advertência.
Que o homem fecha os olhos para não enxergar, dando valor só ao poder aquisitivo.
Nós estamos deixando passar despercebido o grito de Mãe Natureza, E cada vez mais está derrubando matas para fazer pastagens e plantações
Sei que tudo é uma necessidade, mas a consciência da preservação é mais importante.
O derramamento de petróleo no golfo do México.
É mais uma alerta para o Mundo. Atualmente milhares de espécies estão ameaçadas de extinção.
Quase 300 só no Brasil.
A exploração desordenada comercial, expansão populacional, contribuindo assim para desastres ecológicos.
Creio que não sejam motivos para comemorar, mas sim de alertar.
S.O.S para o Meio ambiente.

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Medo de seu egoísmo




Sinto medo dos meus sentimentos, que me deixam em devaneios acelerando o meu raciocínio,
Elevando meus desejos deixando-me em delírios
Esta paixão. .
Que marca e fere meu coração.
Trago em meu peito todos os sentimentos possíveis a um ser normal.
Não deixando as adversidades de a vida sobrepor que o ser humano tem de maior valor.
Que é o amor e a humildade.
Sendo que amo simplesmente por Amar.
O amor sem trocas, sem palavras, sem toques de pele sobre pele.
O amor que rompe barreiras do tempo e da saudade.
Firme mas sempre presente em minha vida.
Amor este sentimento que aflora de meu coração.
Como flores em um jardim
Bem cuidado e cultivado.
O jardim da minha vida
Onde cultivo a paz, serenidade
O amor.
Mary Cely

terça-feira, 1 de junho de 2010

Tentando Acertar





Estou tentando me conscientizar das pequenas coisas do dia a dia, de grande valor na formação do ser humano.
É verdade que alguns fatos ficam marcados na personalidade do ser humano.
Mas sempre buscando o "ser e o ter " acabamos nos esquecendo que os valores matériais nos tornam frios e sem emoção.
Damos devida importância à compra de um carro novo e deixamos de rejubilar por um parente próximo ter conseguido um bom emprego ou ter ingressado na faculdade depois de várias tentativas.
Mas os valores que engrandecem o ser humano, é o bem estar, é o amor, a paixão e a sensibilidade advinda por alguém adquirir algo que pra alguns são coisas corriqueiras, mas pra quem investiu no seu esforço e sua dedicação é algo especial .
Algo que simplesmente nos torna feliz. Assim agregando valores vamos continuar nossa jornada errando e tentando acertar.
Mas sempre tentando.
Jamais desistir de um sonho,esta energia que dá animo a continuar mesmo após uma queda.So restando levantar e seguir com passos firmes em seu propósito.
As palavras" Não posso e Não sei" nao existem no vocabulário dos que almejam simplesmente" Ser feliz".


Imagem do google
Mary Cely

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Fuga Sexual


FUGA SEXUAL

Uma das melhores coisas da vida é amar e, ser amada melhor ainda.
O amor corpo e mente aquele que complementa e da leveza a sua alma.
Na minha vida sexual ativa. Adoro ser amada e cortejada. E muito bom sentir o apetite sexual do seu amado
A relação homem e mulher é sublime.
Pois bem recentemente decidi realizar uma proeza com meu amor, saímos sem destino sem hora nem lugar para dormir, Só nós dois. Fomos em direção ao litoral mas por sorte ou azar durante trajeto deu uma forte chuva e a temperatura caiu bastante.
Mesmo assim resolvemos continuar nossa viagem estrada a fora, íamos sem observar o trajeto e as condições climáticas.
Já escurecendo paramos em um posto abastecer ao indagar ao frentista quantos km próxima cidade me assustou não gosto de viajar de noite.
Viajamos mais alguns km e resolvemos pernoitar num destes hotéis baratos de beira de estrada.
Olhamos o quarto não eram nenhumas quatro estrelas, mas servia para descansar o corpo até o amanhecer.
Logo fomos tomar banho para dormir, pois a jornada do dia foi longa e cansativa.
Já sem roupa deitamos agarradinhos sem pretensão de uma noite de amor. Mas o desejo foi mais forte e logo meu amor estava com seu membro latejante de tesão isto me deixa louca de desejos a vontade de sentir aquele volume adentrar minha vagina úmida. Mas as preliminares é algo que complementa o apetite sexual e não me deixo levar por falsos tabus.
Meu amor adora fazer um sexo oral coisa que me deixa excitada demais, chegando ao orgasmo várias vezes, Cada vez que atinjo o clímax, seu apetite aumenta, sou sugada com mais voracidade, numa sede chegando ao ápice do prazer, numa verdadeira entrega amorosa. Sinto-me flutuar entre anjos e querubins
Sua língua quente e vibrante percorrer minha vagina retirando todos meus delírios. Suspiros e gemidos enlouquecidos de excitação. Que delicia de noite a se iniciar como a noite é uma criança então...Vamos brincar!
Se tem alguma forma de ser possuída que não fizemos foi porque não inventaram ainda. Sentir aquele membro rígido penetrando minhas entranhas com força e vigor, deixando me arrepiada querendo mais e mais.
Painho (nome de meu amor) não deixa a toalha cair, me faz sentir seus desejos com a fome voraz de um garanhão eu louca ensandecida de desejos sinto seu apetite de todas as formas.
Há que cama deliciosa para uma noite e paradisíaca fuga sexual.

Imagem do google

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Sonhos,sonhos são o que?


Sonhos, sonhos são o que?

Um dos meus sonhos recorrentes é de que estou em uma vida passada.
Como dama da corte rodeada de cavaleiros num eterno bailar.
Creio que sonhos são desejos do intimo de cada um.
Mas que ficam guardados na poeira da saudade.
Ou então é o que necessitamos nesta vã filosofia da vida.
Onde impera a maldade e a violência.
Por tudo se é motivo de zangas e brigas.
No mundo cruel que nós pessoas “civilizadas” povoamos,no qual perdemos os reais valores de uma amizade
É amiga de acordo a oferta de valores.
E as coisas tomam um rumo do irreal como você queria que fossem para você.
E um torvelinho de emoções tomam conta de seus pensamentos emoções e razões se Sonhos em muitas vezes se tornam pesadelos.
E a realidade de um caráter se perdem em caminhos escusos.
Na falta de humildade tornando as pessoas cruéis frias e calculistas.
Então sonhos ficam sendo apenas... Sonhos !
Esquecidos estes do âmago de meu ser.
Só o tempo para retificar as coisas da minha vida que por venturas estão incorretas.
O tempo é o melhor conselheiro...Espero eu não tenho pressa.

Mary Cely
*Célia Macedo

Borboletas





Minha mente enganosa
Maltratada da vida
Cura ferida...
De almas perdidas

A cura sentida
Madrinha achou
A mente enganosa
De mais nada restou

Lagarta virou borboleta
Com suas asas coloridas
O veneno não para de destilar
Voa... voa borboleta!

Para de espreitar!
Esta mente enganosa
Voe... Solte seu brilho
Para o Mundo vislumbrar.



Imagem do google
Mary Cely

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Dando Laços...Sem Nós!




Acredito que em toda ação de nossas vidas há uma reação.
Em cada momento vivenciado existe um por que. Mas claro que no acontecer dos fatos não paramos analisar porque de tudo que ocorre no nosso cotidiano.
Descabelamos-nos e ficamos estressados e magoados com tudo.
Coisa normal na vida de todas as reações emocionais de cada ser humano é única!
Algumas ações marcam muito e ficam como tatuagens na alma
Deixando-nos fragilizados e sem forças para um recomeço.
Outras nem tanto dão coragem e animo para um renascer com mais vigor e os erros do passado que perseguem como fantasmas lhe servem de reflexos a um aprendizado mais consciente e racional.
E procurando um fragmento de luz para poder acender a chama do perdão, do medo e dá insegurança!
Conseguimos vencer o egoísmo, e a desilusão.E como luz
a amizade renascendo firme como jóias.
Trincadas mas jamais amortecidas onde o maior sentimento é o respeito, o querer bem, e a saudade.
Fechando ciclos embaçados renovando forças na Luz do perdão do Amigo-irmão de Almas.





"Texto dedicado aos amigos,alguns ainda caminhando juntos pela estrada da vida,outros tantos foram ficando pelos caminhos.
Algumas pessoas são escolhidos pelo mero acaso do destino outros são escolhidos pela Luz divina.Cada pessoa é única e essência os torna diferentes,na vida, no amor, união da paz e do reconhecimentos"
(Mary Cely)

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Amigos flores de meu jardim



Hoje acordei com uma breve sensação de saudades.
Saudades do aroma das flores
Do ar fresco da manhã
Saudades de ver a revoada dos pássaros
Ai pensei. em oferecer flores!
Para quem?Não sei!
Mais qual? Flores de seu gosto.
Não sei...
Mas revirando o meu jardim de amigos
Encontrei alguns especiais
Pensei... É
Ofertarei do tamanho do carinho que tenho por todos
Pronto achei...
Gosta de papoulas?
Suas cores e nuances
Refletem a delicadeza da alma
De quem as recebe e admira.

Mary Cely
Imagem google

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Dança comigo ?



Recentemente lendo um texto de um escritor me vi refletida na denominação de ser poeta. "o poeta intuitivo"
Nas pequenas coisas do dia a dia sinto a necessidade de escrever.
Sei que muitas das vezes são pequenos assuntos corriqueiros ou quem sabe até banais.
Mas na ação vejo a reação do meu intimo. e tento escrever meus devaneios.quem sabe se é do agrado ou desagrado?
Hoje estava à procura de um vídeo e deparei-me com um inusitado. Jamais o tinha visto ou ouvido, mas me encantou pela simplicidade. então pergunto.

Dança comigo?

Vem abraça-me
Chega bem de mansinho
Leva-me aos Céus com o teu gingar
Deslizando na passarela de meus sonhos
Estou eu e você a bailar
Um fundo musical suave e terno
Como anjos adornar o salão
Estou eu e você.
Dois pra lá e dois pra cá.
Então amoré...
Vem vamos bailar
Ouça o som suave da música
Penetrando em seus ouvidos
Roubando nossos sentidos
Então Amoré vem dançar
Vamos voar ao som do blues
Ou quem sabe de ritmos enfim
Vem Amoré... Vamos bailar!








sexta-feira, 21 de maio de 2010

Eterno é o Amor?




Todos os dias deixamos morrer um pouquinho de nós.
Simplesmente os sentimentos ficam amortecidos.
Paixão é esta energia inesgotável de emoções.
Mas o amor se sente.
Através de pequenos atos. Sabemos se somos amados e amamos.
Não preciso dizer "Eu te amo”, basta sentir no afago e nas caricias,
esta eterna vontade de ficar juntos, esperando que o tempo se eternize.
Que a brisa das flores cheguem até nossos sentidos dando ênfase e alegria à alma.
Nada mais triste do saber que o amor que se achava eterno morreu.
Por mais que relutamos em aprender, sempre se morre um pouquinho de nós junto do amor.
E como num passe de mágica surge um grande amor, aquele que ficamos esperando por uma vida.
Não príncipes... Eles não existem. Nós que o tornamos reais.A carência do amor tem suas nescessitudes.
E um gesto de carinho é tudo que um coração carente precisa.
No amor nem sempre é preciso uma total abnegação do parceiro (a) temos as nossas individualidades e diferenças existem.
Com um bom diálogo tudo se resolve.
Existem amores belos eternos que perduram uma vida.
E na beleza destes amores está à essência da alma, do respeito, do carisma e da paixão.



"O meu amor e eterno. Porque faço tudo com Amor"





Imagem do google

Mary Cely

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Meus Olhos Tristes


Quanto mais velhos, mais cansados
Vagueiam pelo horizonte
Em busca de que?
Para que?

Andam sem pressa viajam no tempo
Rente a sombras da noite
Sobram-lhe sombras
De que? E por quê?

Falta-lhe o brilho
Cores de vida
Cara pálida do tempo

Observam o nada... Vêem o vazio
Triste partida, guerra perdida
Quando chegar o triste dia!

Mary Cely

Imagem do google

terça-feira, 18 de maio de 2010

Cartas de Amor quem as nao tem?



Novamente minha mente me engana e sou pega de surpresa pensando em ti.
Desde o dia que partiste minha alegria foi junto com você.
Sei o que é saudade, Sinto tanto tua falta que me dói o peito.
Meu querido até quando poderei suportar esta ausência. Não sei
Meus risos minha alegria de viver. Sumiram como passe de mágica.
Espero-Te
Volte breve
Sabes que não sei viver sem tua presença.
Amor de minha vida.
Você saiu de mansinho sem se despedir.
Levando em sua bagagem minha paz e alegria.
Há! Meu querido com eu desejo sentir o brilho de seu
olhar a iluminar e aquecer meu coração e minha vida
Você é o centro do meu Universo. Minha vida.
Sinto que ainda vivo porque tenho o seu amor.
Meu querido cuide bem do meu coração ele está em tuas mãos.
E numa pequena caixinha guardada com pétalas de Rosas,
esta o anel que selaste a nossa união esperando o seu retorno.
Querido e amado
Amo-te e adoro
Para sempre tua.

(Mary Cely)
Bahia Brasil

Anseios Meus e Desejos Seus






Que o calor de meus braços embale seus sonhos e acalme seus desejos
Que força que brota de meu coração possa proteger quem eu amo, da chuva e do vento e das adversidades que possam surgir
Que os momentos de tempestades sejam um aprendizado para vida tranqüila e feliz
Que a canção que gosto tenha efeito de uma brisa que acalma nossas horas juntos
Que o amor que sinto... Faça de sua vida um belo e suave verso de amor
Que sejamos capazes de encontrar nas madrugadas frias um suave clima de .primavera
Que sejamos capazes de nos ajudar a alcançar a maturidade suficiente
E que o olhar de quem amo possa me ensinar e descobrir como ser assim
Que cada dia vivenciado seja uma incógnita tornando-se uma certeza.
Que o amor que sinto pela vida faça parte de nossas vidas.
Amando e sendo amados
Bastando olhar as coisas com brilho e cor e muito amor
Que minha caminhada seja uma suave e tênue luz
Que ao cruzar os caminhos tortuosos da vida eu possa atingir meus desejos
Que eu possa com meu carinho dá descanso e paz a alguém
Que as flores que deixei pelo caminho
De calma e paz.
Que a chama do meu amor jamais apague
Seja o iluminar de tua vida.

“Somos feitos de desejos e amor, almejo para você que este amor seja alimento para sua alma, que caia sobre ti como orvalho da manhã nas flores do jardim de tua vida, e que brotem e multipliquem-se”.



Mary Cely
Imagem do google

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Meu Conceito do Perdão!


O conceito do perdão.

A maioria das pessoas quando são enganadas em algo podendo ser algo simples ou muito prejudicial, Ficam muito magoadas concordo e aceito que temos o direito de nos indignar.
Mas levando em conta que tudo tem o seu tempo e ficar usando sempre a mesma Ação só dá um desgaste físico e mental.
Impedindo de perdoar e ser perdoado.
Afinal qual é seu conceito de perdão?
O meu é assumir o erro e não fazê-lo jamais e tentar de alguma forma se recuperar da ação danosa.
Mas outros não agem assim ficam na retaguarda com ofensas e indiretas.
Creio que o mal estar é bi-lateral
Mas cada qual tem o seu conceito. E façam bom uso dele.
Isto não vai interferir na minha forma de ser pensar e agir.
Tenho o meu conceito e isto está diretamente ligado a minha pessoa como ser humana.
Mas almas iluminadas existem e sabem conduzir a situação levando para o bem Perdoando e sendo perdoado,
Alma iluminada coisa rara, mas existe sim.
Você que ler sabe que tudo na vida do ser racional é possível.
Amar amando perdoar e sendo perdoado.
Eis o ponto de equilíbrio das almas iluminadas



Mary Cely
Imagem do google

Muito Grata ...Sempre





Faz seis meses que comecei a escrever e postar neste site maravilhoso. ”Recanto das Letras
Espaço que amo e fico horas do dia lendo.
Agradeço aos proprietários pela acolhida que muito me honra em participar desta maravilhosa família Recantista.
Agradeço de Alma e coração as poetisa e poetas que me incentivou dando-me forças para vencer a timidez e começar a postar meus pequenos arremedos de poemas.Deus os abençoe Sempre
Agradeço de coração a receptividade de todos.
Agradeço a todos os amigos do Recanto da Letras. Meus Anjos e Querubins.
Deus Ilumine a todos.
Sem o incentivo de vocês com suas leituras e comentários não estaria aqui.


"Como sempre digo nada acontece por acaso o acaso somos nós"




Salve a dor 16 de maio de 2010. Bahia.

Texto de Mary Cely: Celia Macedo
Imagem do google

Será Merecimento?




Sempre acreditei que tudo que nos acontece, Não é um mero acaso. Mas sim por uma razão de ser e existir indo muito além da nossa compreensão humana .Não que somos merecedores de tantas coisas que nos magoam e nos fazem sofrer, mas por sermos demais de justos a palavra do senhor. E assim suportamos nosso fardo com maior vigor. Não os deixando cair pelo caminho. Sempre afirmo nas minhas divagações minhas pernas podem envergar mas não soltarei minha carga.
Vi uma situação real e fiquei a imaginar o porquê de tudo. Uma pessoa debilitada fisicamente tem o compromisso de cuidar de dois idosos. Na labuta da vida não deixa seus afazeres como bom filho sempre pronto a dar apoio moral físico e financeiro E a vida vai indo aos poucos tem seus contratempos, mas nada que o impeçam de viver sua vidinha pacata e feliz.
Mas na caminhada da vida surgem adversidades inexplicáveis ao modo e forma de viver. E meu bom amigo de uma hora para outra perde sua mãe, claro e lógico que é uma dureza enfrentar esta situação. Mas como bom religioso aceito e dedica-se a zelar com maior afinco a seu idoso pai. Situação muito delicada esta. Cuidar de um idoso com perda total da visão ,audição e paraplégico.Mas ele aceita seu trabalho o qual foi denominado.E sempre ao lado da esposa com afinco esta a zelar do seu bem maior que é seu pai. Mas como alguns céticos dizem alegria de pobre dura pouco. Sua fiel companheira de repente acidentalmente em casa leva uma queda, e ao fazer uma cirurgia vai a óbito
Foi como alguns dizem ironia do destino.
Ao vê-lo debruçado sobre o corpo da esposa e aos prantos dizer: Senhor Deus porque fizeste isto comigo minha única luz me tiraste, agora estou só sou um cego errante. Deu-me um aperto meu coração que fui aos prantos e fiquei inconformada de ver sofrimento e dor de uma pessoa tão boa como ser humano passar por tal situação. Uma perda após a outra.Por isto em minhas divagações me pergunto recebemos o que merecemos ou o que podemos suportar?
Creio que esta indagação está alem de meu conhecimento.
Mas as respostas muitas são advindas do coração de cada um.


(Mary Cely)
02/05/2010
Imagem do google

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Sem pressa!




Não tenho pressa vou andando a esmo
Meus caminhos não são tortuosos.
Ao lado esquerdo semeio flores
Lado direito. vou colhendo-as
As flores que os bons amigos semearam.
Com cuidado de deixar boas sementes
Para os que me seguem tenham seus belos buquês
A caminhada e longa, sem pressa.
Estou no tempo de colher o que semeie.
Espero uma colheita farta
Pois de alguma forma tentei separar o joio do trigo
Conseguiu-se?
Bem talvez os frutos tenham sido colhidos verdes
Na pressa e na correria da fuga.
Mas que tentei...


Mary Cely
Imagem do google

Falar de Amor


Ah... Falar de amor é sublime.
É sentir a brisa do mar
Beijando a face numa doce caricia,
É como sentir um aroma de rosas
É como voar sem destino.
Falar de amor é simplesmente
Sentir emoções, não razões
Falar de amor é simples.
O difícil é saber Amar...!
E eu te Amo...



Mary Cely
Imagem do google

quinta-feira, 13 de maio de 2010

A Rubra...Rosa!



Da cor do amor, Rubra da paixão
Espinho em flor que causa dor
Que dilacera meu coração
Perdida de Amor





Mary Cely
Imagem do google.

13 de maio...Liberdade


Bahia,13 de maio 2010.



Hoje é uma data muito significativa a todos os brasileiros.
Quando se comemora a abolição da escravatura lei que foi promulgada pela Princesa Izabel no dia 13 de maio de 1888.
Mas ainda hoje em pleno século XXI encontramos brasileiros aprisionados servindo como escravos ao. Vicio do álcool, as drogas, a prostituição. Ao roubo. a mentira.
A pedofilia e a pornografia...
Estamos evoluindo, mas o tempo é rápido e deixam-se valores passarem despercebidos, no âmbito familiar, escolar e na sociedade em geral.
Demonstrando de sermos incapazes de assumir uma liberdade tão almejada.
E o sofrimento cada dia nos deixa impotentes de assumir os prejuízos morais sociais e econômicos.
A carta de alforria está em sua forma de ser.
Liberte-se não fique sua vida inteira culpando pessoas por coisas.Você pode verter a situação tentando ser feliz.





Mary Cely
Imagem do google

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Negro é minha cor!





Meu cabelo pixaim é a minha etnia
Meu nariz dilatado para absorver o ar puro das matas que ao chegar aqui encontrei.
Minha tez negra e o meu orgulho de meus descendentes,
Meus olhos graúdos para enxergar as belezas da minha terra.
Sou negro, sou afro- brasileiro
Sou a força que construiu o Brasil
Que plantou e colheu.
Fui mal tratado feito animal.
Mais sou gente.
Sou aquele
Que embalou o sono do sinhô
Colheu frutas pra sinhá
Não nego minha cor
Sou negro
Com orgulho e muito amor.
Sou Brasileiro sim Sinhô
Muito prazer meus irmãos de cor.


Mary Cely
Imagem do google




terça-feira, 11 de maio de 2010

Loucuras de Amor!




Chama que arde em meu peito
Desolando meu coração
Alma que te clama sem parar
Vontade ser amada

Com esta louca vontade de amar
Sentir maciez de seus lábios colados aos meus
Beijos ardentes loucos de prazer
Corpos sedentos de amor

Meus pensamentos uma única direção
Tuas caricias tuas mãos
Deixam-me enlouquecida
Excitação aflorada corpos unidos

Somos o côncavo e convexo
Loucura de emoções, plenos de prazer
Seu cheiro de macho. Atiça meus sentidos
Deixando-me alucinada, Numa fome voraz

Querendo ser possuída, Sem resguardo
Amar e ser amada numa torrente de paixão
Numa noite. interminável de amor



Mary Cely
Imagemdo google

Somos um só Corpo




Almas e desejos
Êxtase infinito que nunca acaba
Chama de nosso amor
Sempre prontos a se doar

Numa completa harmonia
Bocas mãos entrelaçadas
Numa junção de sexo
Juntos numa dança. Sincronia de emoções

Insaciáveis... No prazer
Prolongando o gozo. Prazer constante
Segundo minutos que eternizam nossas emoções

E como uma explosão cósmica
Chegamos ao final... e inicio
De uma noite de Amor!



Mary Cely
Imagem do google

Meus filhos meu rumo!




Plantei no jardim de minha vida
Uma sementinha de amor
Dela germinou uma flor
Bela suave e forte
Carente de muito amor
Ausências...
Muito sentidas
Sublimes sentimentos
Que aquecem meu coração
Com meu amor por vocês
Vocês como raios de sol
Iluminam minha vida
Nossas vidas.
Minhas sementinhas
Vocês... Meus filhos
Que os amos demais.
L&E.



Mary cely

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Vamos a vida...Que ela é curta


Devaneando pelos meus pensamentos e meu interior achei um detalhe muito relevante de acordo o momento que estou vivenciando, “Vamos à vida que a morte é certa”, achei meio esdrúxulo, mas analisando lentamente vi a total veracidade dos fatos, vamos viver que a morte é certa, nada mais que lógico e corriqueiro.
Temos a vida e fomos abençoados pra usufruir da maneira que melhor nos convier, e por que passar por esta etapa preciosa de transição em branco?
Não que seja necessário você se descabelar e correr contra tempo e fazer tudo que lhe dê na telha (cabeça), mas tentar fazer algo produtivo pra seu bem estar e da sociedade isto sim e viver bem a vida.
Viver consciente de seus ideais, com força de vontade carinho respeito ao próximo e amando sempre.
Não que seja necessário você se apaixonar perdidamente por alguém, mas um amor convencional, belo e simples para com o próximo, engrandece e eleva a auto-estima.
Mas sem querer fugir do assunto VAI À VIDA... Que a morte é certa, passamos a vida a trabalhar e quando não trabalhamos, passamos horas em frente à televisão assistindo cenas que nada acrescentam, nem sequer pensamos no presente, nem sequer pensamos no agora. Os velhinhos dizem: vamos à vida que a morte é certa...
Mas na verdade nem pensam no significado da frase.
Quando você se julga um ser perfeito acima de tudo e todos está cometendo um grande erro, fala de perdão, mas faz caso de pouco, e te pergunto o que levas na tua bagagem quando chegar sua data predestinada pelos o maior dos maiores, Deus é nosso pai.O destino!
Eis um ponto que poucos param para refletir.
Quantas visitas já fizestes a um parente enfermo,já foi a algum funeral abraçar um amigo que perdeu um ente querido.
Ahh... me poupe destas asneiras ,não gosto, não posso isto é desculpa para não ir.
Pois sim vou mesmo que não veja aquele que saiu da vida terrena.
Mas faço questão de lembrar como eu o conheci e estou sempre presente nestas ocasiões.
E você que fez da tua vida?
Nada fez a não ser correr atrás do poder aquisitivo.
E agora ?
Com certeza os bens adquiridos pode lhe dá um pequeno conforto material mesmo no leito de morte.
E Ai?
Bom ainda é tempo acorda para a vida!
Como queres ser lembrado pelo homem que enricou ou por aquele simples amigo vizinho, pai, esposo e companheiro ideal para todos que faziam parte de seu circulo de vida
A verdade é esta,e única o tempo passa, corre e nós sequer nos apercebemos disso, olhamos para o calendário e constatamos que um se dia passou, mas nem vimos que a única coisa que aconteceu foi perder mais 24 horas da nossa curta vidinha. E nada fizemos além de correr e esquecer que a vida é breve e curta.

Vamos curtir a vida com Paz carinho e amor

Mary Cely
Imagem do google
Fragmentos de uma paixão
Pedaços esfacelados de um coração dolorido e sofridos
pela magoa tristeza e dor.
Eis um coração que anseia pelo amor de uma grande
paixão.
Queria que meu coração não tivesse passado por tantas coisas no
inteirar da vida.
Que meu coração soubesse a verdadeira dimensão do que é
amar e ser amada.
Queria que fosse outra visão de vida, sem magoas sofrida
sem ausência de beijos carinhos e chamegos.
Que na procura da alma gêmea só
tivesse dois corações.
Com desejo e forças para viver.
Que o passado não interviesse no nosso cotidiano.
E que as lagrimas que desceram de nossos olhos
tenham sido gotas de esperança e saudade.
Apenas isto!
Que a esperança do amor não vivido brote em nossos corações. Em forma de paixão.
Queria outra vida.
Em outro tempo.
Sem vestígios de amargura sem sofrimentos e dor.
Só...
O Amor.
Que o tempo passado aniquilasse todas as reservas de solidão. Seja apenas o tempo de viver e amar.
O tempo vida é o tempo de amor.
O seu e o meu tempo da felicidade!


Mary Cely: Celia Macedo
9/04/2010.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails